Capitão do Peixe, Gerson é líder dentro e fora do campo

08.03.2017

Nas quatro partidas do técnico Waguinho Dias, a braçadeira de capitão do Peixe teve o mesmo dono: o zagueiro Gerson. Apesar da idade, 24 anos, o gaúcho iniciou nas categorias de base do Grêmio e foi capitão nas categorias de base da Seleção Brasileira da geração de Neymar, conquistando o Sul-Americano Sub-15 e Sub-17 e adquirindo experiência suficiente para ser um dos líderes do Tubarão, dentro e fora de campo, neste Catarinense. 

 

- Ser um líder, uma referência, é algo que já nasce com você. Eu me preparo emocionalmente e mentalmente para estar prontos nessas situações e ajudar meus colegas. Quando entro no campo procuro ser um amigo, orientar e dar palavras positivas. Fico muito orgulhoso em ver que nosso esforço está sendo convertido em resultados - destaca o defensor. 

 

O capitão e o time iniciam um novo desafio na competição no domingo. Diante do Metropolitano, o Peixe faz sua estreia no returno do Catarinense, embalado pela boa campanha no final da primeira parte, terminando na 6ª colocação com 11 pontos. Nesta quarta-feira, os jogadores treinaram pela manhã e voltam a treinar na quinta em dois turnos. 

 

- Conforme os jogos vão passando, nosso time vai ganhando entrosamento e nível de jogo. Planejamos seguir nessa crescente, porém sempre com os pés no chão. Já estamos estudando o Metropolitano através do nosso analista de desempenho, sabemos que será uma partida difícil, mas não faltará luta e entrega da nossa parte - garante Gerson.

 

Os ingressos para a partida serão vendidos na bilheteria do Domingos Gonzales a partir de sexta-feira. No Futebol Card, as vendas iniciam na quinta. Tubarão recebe o Metropolitano no domingo, às 19h30min na Vila, pela primeira rodada do returno do Catarinense. 

 

 

 

Please reload

Destaque

Peixe vence jogo-treino contra o Criciúma

21.02.2020

1/10
Please reload

Notícias Recentes